DestaqueEsportesGeralNotícias

Ricardo Prado vai preparar Brasil em 5 modalidades para as Olimpíadas de Paris 

As modalidades são: natação, nado artístico, águas abertas, polo aquático e saltos ornamentais

Assessoria de Comunicação/Prefeitura

 

 

 

 

 

 

ANDRADINA – Medalhista de prata em Los Angeles -1984, o andradinense Ricardo Prado, é o novo diretor de esportes da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA).

Pradinho, como o ex-nadador é conhecido, vai ser o responsável por cuidar da preparação esportiva de cinco modalidades para os Jogos Olímpicos de Paris, no ano que vem: natação, nado artístico, águas abertas, polo aquático e saltos ornamentais.

O secretário de Esportes, Cultura, Lazer e Juventude e técnico reconhecido da natação paulista, Jonilcio Avelino da Silva, o “Professor Careca da Natação”, lembrou um pouco da trajetória de Ricardo Prado, que é medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de 1984, campeão Mundial em 1982, em Guayaquil, no Equador, e dono de sete medalhas em Jogos Pan-Americanos.

“Ricardo Prado já exerceu diversas funções dentro da CBDA e sua chegada a presidência é um orgulho para Andradina e abre um período frutífero para novas gerações de nadadores”, disse Careca.

Formado em economia pela Universidade Metodista de Dallas, no Texas, em educação física, pela Universidade do Ibirapuera, Prado, agora, assume uma função de liderança das cinco modalidades na reta final de preparação para os Jogos Olímpicos de Paris.

“Fico muito contente de, agora, estar em uma função mais próxima do esporte de rendimento. É um ano importante para os esportes aquáticos com os Jogos Pan-Americanos e reta final para Paris 2024. Espero dar a minha contribuição para a CBDA e para os esportes aquáticos”, completou o novo diretor de esportes.

Careca afirmou que, além de todas as conquistas que obteve nas piscinas, Ricardo Prado sempre esteve disposto e disponível para ajudar os esportes aquáticos do Brasil.

Além da atuação na CBDA, Ricardo Prado tem experiência na gestão em outras entidades. Ele atuou nos Comitês Organizadores dos Jogos Olímpicos de 2016 e nos Jogos Pan-Americanos de 2007, ambos no Rio de Janeiro, diretamente ligado aos esportes aquáticos. Na piscina, também atuou como técnico de natação.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo