DestaqueGeralNotícias

Educação Municipal agora conta com Caderneta Digital

Professores poderão fazer os registros por meio de computadores, notebooks, tablets ou smartphones

ANDRADINA – A Secretária Municipal de Educação de Andradina agora conta com o sistema de caderneta digital para a Rede Municipal de Ensino. A implantação da caderneta escolar on-line, é uma ferramenta que permite ao professor fazer os registros por meio de computadores, notebooks, tablets ou smartphones.

A inovação foi anunciada ao prefeito de Andradina, Mário Celso Lopes, em seu gabinete, pela secretária de Educação Estela Goda; pelo subsecretário Kleberson Santos e a coordenadora Laura Ribeiro.

O diferencial andradinense é que toda a tecnologia foi desenvolvida “dentro de casa”, pelo ex-diretor digital, Marcelo Moreira de Almeida, que doou sua pesquisa para a Rede Municipal de Ensino de Andradina. Para se ter acesso a uma tecnologia similar o município teria que investir cerca de R$ 600 mil.

Tecnologia foi desenvolvida “dentro de casa”, pelo ex-diretor digital, Marcelo Moreira de Almeida, que doou sua pesquisa para a Rede Municipal de Ensino

“É um sistema que eleva a Educação de Andradina, em matéria de tecnologia. A educação sempre foi a prioridade 1 da nossa gestão, e está melhor a cada dia”, disse Mário Celso.

Segundo Estela Goda, o objetivo da Caderneta Digital é simplificar o lançamento de informações sobre os discentes, turmas e atividades. “Nele os professores podem registrar as notas e a frequência, além dos conteúdos trabalhados em sala de aula”, disse.

A caderneta também auxilia na relação ao planejamento, já que ela mostra a trajetória de atividades efetuadas pelos professores e serve para prestar contas sobre o que ocorreu em sala de aula.

O sistema será instalado nas sete Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) e as 12 Emeis (Escolas Municipais de Ensino Infantil).

Segundo a coordenadora Laura, a implantação do sistema vai diminuir o tempo de execução do trabalho do professor em preencher manualmente as notas, faltas e trabalhos de mais de 5 mil alunos da rede municipal.

O programa executa as ações de maneira semelhante à caderneta de papel recebida pelos docentes no início do ano letivo, mas facilita o trabalho dos professores, já que o programa reúne automaticamente todos os dados inseridos.

“O professor tinha que dedicar muito tempo no processo manual o que criou a necessidade de agilizar esse processo e o resultado é mais tempo para os alunos”, explicou Estela Goda.

Com o novo sistema online também será possível:

O acompanhamento on-line por qualquer membro do corpo gestor; desburocratizar o processo de registros e arquivos de relevância legal; facilitar todo aspecto documental para os docentes e coordenação pedagógica.

 

Secom/Prefeitura

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo